Os pais desejam que seus filhos sejam honestos, independentes e felizes! Mas, para que isso aconteça, além de oferecer amor, é preciso usar de sabedoria, firmeza e despender de muita energia!

Antes de educar uma criança é preciso se auto educar, porque os filhos copiam o que os pais fazem. Se você quer que seu filho te respeite, e respeite as pessoas, você precisa se respeitar e respeitar os outros. Os casais que brigam na frente dos filhos estão ensinando as crianças que as diferenças devem ser resolvidas através de brigas.

A forma de educar os filhos vem mudando muito com o tempo, saímos da brutalidade do passado, quando as crianças apanhavam, para a atual falta de autoridade dos pais em relação aos filhos. Devido a culpa gerada pela falta de tempo, ou por medo de não serem amados, os pais estão deixando de exercer sua autoridade, evitando estabelecer regras que devem ser cumpridas pelos filhos.

Eles satisfazem todos os desejos da criança, e com isso ela entende que a regra da vida é que ela sempre pode fazer o que quer. Quando cresce, essa criança se torna uma pessoa desajustada para conviver em sociedade.

Não tenha medo de impor limites aos seus filhos, não é possível educar sem frustrar!

Durante a vida precisamos encarar várias frustrações, mas se o seu filho não treinou em casa, como ele vai aprender a respeitar as regras sociais e superar as frustações da vida adulta.

O grande desafio dos pais é manter o equilíbrio emocional, quando as atitudes e desejos dos filhos entrarem em conflito com o que é aceitável. É preciso ser muito firme, explicar sua posição e não dar espaço para réplicas, porque o filho começará uma disputa de poder na intenção de dominar os pais, e se ele conseguir será o fim da sua autoridade.
As regras ajudam a manter a paz e a ordem dentro de casa, o bem-estar físico e o desenvolvimento emocional dos filhos. É preciso investir muito amor, tempo e energia para ter um filho bem-educado.

Se o seu filho de cinco anos só quiser comer doces, é você ou ele quem sabe o que é melhor para a saúde? Ele não quer comer salada no almoço? Você não pode força-lo, mas não deixe que ele coma bolacha recheada durante a tarde, e na hora do jantar, ofereça salada novamente. Mantenha-se firme, e observe os resultados positivos.

Se você não aguenta mais tirar a toalha molhada de cima da cama? Ficar pegando a roupa suja jogada no chão? Explique para os seus filhos que a sua casa não é um hotel, que todos têm a responsabilidade de manter a ordem, avise que na próxima vez haverá consequências.

Depois de dar o aviso, quando a sua filha de quinze anos deixar a blusa que ela mais gosta jogada no chão, pegue a roupa doe para a caridade. Não tenha dó, é uma questão de causa e consequência, você está educando, essa á sua responsabilidade! No momento em que ela der falta da roupa e reclamar, diga para sua filha: “- Como você não cuida das suas coisas e não respeita as regras de organização da casa, eu resolvi doar a sua blusa para quem precisa e valoriza.

Se você ama seu filho, use a sua autoridade, pare de alimentar as falhas de seus filhos! Estabelecer e aplicar regras dá muito trabalho, mas funciona, eu digo por experiência própria!

Por Gisela Campiglia
Voluntária do TEMS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe seu comentário.
Por favor, coloque seu nome aqui